Páginas


Luisão - Vinte Títulos! (and counting...)

Se todas as batalhas da

"SE TODAS AS BATALHAS DA HUMANIDADE SE TRAVASSEM APENAS NOS CAMPOS DE FUTEBOL, QUÃO BELAS SERIAM AS GUERRAS!" (Augusto Branco)

segunda-feira, 9 de abril de 2018

Custou, mas foi!
























Os nossos meninos
O Jonas, esse menino mimado pela Família Benfiquista, queixou-se das costas e ficou suspenso na bancada, a torcer como nós. O Raúl, menino corajoso, aproveitou a titularidade para fazer o mesmo que o Pistolas costuma fazer quando joga: golos! O Cervi, o Zivko e o Rafa, como meninos atrevidos que são, procuraram sempre criar problemas aos adversários, ainda que nem sempre o tenham feito da forma mais objectiva. Mais dificuldades tiveram os meninos Jardel, Fejsa e Rúben, condicionados pelos cartões amarelos e com medo de serem... suspensos. Quem entrou a todo o gás foi o menino Toto Salvio, que quase fazia um golo e ganhou o penalti indiscutível que nos deu a vitória, ao minuto 92. Os restantes meninos não estiveram mal, nem particularmente bem. Sendo que o menino Grimaldo, no plano defensivo, esteve aquém do necessário. O que nunca lhes faltou foi uma enorme entrega na busca da vitória!

Como se esperava, foi um jogo difícil e tivemos de sofrer até ao apito final para podermos festejar no bom fim. Se o preço a pagar pelos três pontos em cada jogo for este sofrimento, eu pago. O coração há-de aguentar! Assim a equipa demonstre essa crença e essa garra, que não lhe faltará a força que vem das bancadas, como mostrámos em Setúbal.

É TÃO BOM VIVER NO BENFICA!


O jogo
Não conseguimos desenvolver as combinações com a qualidade habitual pelo corredor central, em parte porque o apoio frontal e o passe curto não são os pontos fortes do Raúl. Pelos flancos também não foi fácil, dada a forma como o Setúbal conseguiu sempre colocar muitos elementos na zona da bola. Ainda assim, na primeira parte criámos várias situações de golo e podíamos ter completado a reviravolta nos primeiros quarenta e cinco minutos. Fizemos apenas um, com boa assistência do Rafa e excelente finalização do Raúl, de pé esquerdo.

Na segunda parte, sofremos dois sustos valentes e acabámos por não criar tanto perigo como na primeira. Mas quem porfia sempre alcança. Agarrámos o jogo e fizemos pela vida! Ainda não foi desta que o Raúl falhou um penalti, e assim somámos a nona vitória consecutiva. Venham os próximos!

                             Ficha do jogo

Têm o que merecem
O circo do Lumiar está on fire! Ou, como eu gosto de dizer, é o Sporting a ser Sporting. Os sócios que votaram no grunho uma e outra vez e ainda lhe reforçaram os poderes quando ele fez o ultimato, têm o que merecem. Os sócios que nem se deram ao trabalho de ir lá votar para correr com ele também têm o que merecem. Só tenho alguma pena dos jogadores, coitados, não mereciam esta sina. (Com excepção do Coentrão).

É TÃO BOM VIVER NO BENFICA!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Partilha aqui a tua opinião