Páginas


Luisão - Vinte Títulos! (and counting...)

Se todas as batalhas da

"SE TODAS AS BATALHAS DA HUMANIDADE SE TRAVASSEM APENAS NOS CAMPOS DE FUTEBOL, QUÃO BELAS SERIAM AS GUERRAS!" (Augusto Branco)

sexta-feira, 14 de julho de 2017

As saudades que eu já tinha disto!


E logo aos 5', GOOOOOLO do Jonas!! E aos 19', GOOOOOLO do Seferovic!!
Foi muito bom revermos o Tetracampeão em acção! Para primeiro jogo-treino, até acho que a equipa esteve a bom nível, quer em termos físicos quer em termos de organização. 

Comecemos já pelos destaques individuais; o primeiro nome a dar nas vistas foi o Diogo Gonçalves. Bela assistência para o penalti sobre o Jonas, um quase-golo olímpico (claro que foi intencional!), uma "cueca" e mais meia dúzia de pormenores a demonstrarem grande qualidade e enorme confiança. Marcou muitos pontos com vista à permanência no plantel, este mê compadre alentajanito! O segundo destaque tem de ir para o Seferovic. É sempre bom marcar na estreia e o suiço teve essa felicidade. Bom movimento a desmarcar-se e muita frieza na finalização - belo golo! Jogar perto do Jonas torna tudo mais fácil, o Haris já deve ter percebido.


Primeiro de muitos!


Continuando com as apreciações individuais aos novos elementos, tivemos também a estreia do Chrien logo no onze inicial. Gosto muito que um tecnicista também seja fera na luta pela posse de bola e o jovem eslovaco tem esses dois predicados. Na primeira parte jogou em duplo-pivot com o Filipe Augusto e teve algumas dificuldades no início de construção, mas a qualidade está lá. Com a entrada do Fejsa ao intervalo, subiu uns metros no terreno assumindo a posição 8 de forma mais definida. Acredito que podemos ter aqui uma solução credível já para esta época.

Do Willock, confirmei a expectativa: é muito bom de bola mas falta-lhe percepção do jogo colectivo. Entre o Rúben Dias e o Kalaica, julgo que o segundo está mais preparado para assumir as responsabilidades da primeira equipa. O Hermes continua sem mostrar nada de extraordinário, apenas qualidade no cruzamento. Tivemos ainda a estreia do Arango, lá esforçado é ele. Será esclarecido?


Vai pela esquerda ou pela direita?


Quanto aos consagrados, foi muito bom revê-los a todos! Gostei particularmente do nível a que se apresentaram o Júlio César - muito ágil e seguro; o Jardel - muito bem a comandar a defesa; o André Almeida - muito afoito a atacar; e o enorme Jonas, que já começou a fazer magia!

O primeiro teste deu positivo! Amanhã teremos um adversário mais forte que o Xamax e mais avançado do que nós na preparação. Mas Young Boys também nós temos, e com muito talento! Não é que seja o mais importante, mas já agora era simpático arrancarmos a época com a conquista de mais um troféu.


Aí Jardel!


Começámos assim:



E acabámos assim:



Entretanto, confirmou-se a esperada saída do Nelson Semedo. O ano passado por esta altura, vaticinava que se ele conseguisse melhorar os posicionamentos defensivos seria um dos melhores laterais da Europa. Ele assim o fez e o prémio está aí: contratado pelo Barcelona numa das transferências mais caras de sempre de defesas laterais. Que seja tão feliz nos blaugrana como foi de águia ao peito, que o puto merece! Quanto a nós, contamos com o André Almeida que nos dá todas as garantias na posição. Esperemos que o Pedro Pereira confirme as elevadas expectativas e seja também ele uma nova pérola no nosso plantel.

Obrigado, Nelson!


E boa sorte!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Partilha aqui a tua opinião