Páginas


Luisão - Vinte Títulos! (and counting...)

Se todas as batalhas da

"SE TODAS AS BATALHAS DA HUMANIDADE SE TRAVASSEM APENAS NOS CAMPOS DE FUTEBOL, QUÃO BELAS SERIAM AS GUERRAS!" (Augusto Branco)

sexta-feira, 3 de junho de 2016

OBRIGADO, KELVIN!


O pontapé do Kelvin acertou-me no estômago. Durante dois dias mal comi e mal dormi.

Desde então vencemos três campeonatos consecutivos. O facto de termos perdido o campeonato de 2013 aos noventa e dois minutos do penúltimo jogo, não nos matou. Tornou-nos mais fortes! 

Em 2013 perdemos depois de celebrar prematuramente, como se a vitória sobre o Marítimo tivesse selado o campeonato. Pagámos caro o erro. Mas aprendemos a lição e enquanto nos lembrarmos do amargo dessa derrota não o repetiremos. 

Esta aprendizagem tem sido válida para os jogadores e para nós, adeptos. Todos crescemos com o pontapé do Kelvin.
Ao longo destas três épocas temos sabido sofrer primeiro para depois festejar. Não demos nada por garantido e ajudámos a equipa a manter o foco. Sempre a apoiar! 

A Família Benfiquista ganhou maturidade competitiva com o pontapé do Kelvin. 

Os jogadores também aprenderam. Os acontecimentos traumáticos de maio de 2013 resultaram num acréscimo de experiência que se revela no aumento da concentração para cada jogo. No respeito efectivo por todos os adversários. Na percepção de que não há realmente vitórias antecipadas. 
É isto que tem permitido enfrentar cada jogo como se de uma Final se tratasse mesmo!, condição indispensável para vencer campeonatos decididos ao sprint.

Esta experiência foi um factor de crescimento do nosso Clube e é uma das razões do êxito da Família Benfiquista Tricampeã!
Por isso, digo: obrigado, Kelvin!


Há tempos, ouvi Pinto da Costa dizer que todos os dias revê as imagens do pontapé do Kelvin. Estime-as bem. Pode ser que passe mais algum tempo sem outras mais recentes...

1 comentário:

  1. Aquilo não foi bem um remate... foi uma chouriçada.

    ResponderEliminar

Partilha aqui a tua opinião